21
outubro
2019
Clipping, Notícias,

Chefes já são menos confiáveis que robôs.

Pesquisa mostra que 82% dos funcionários acreditam que máquinas podem desempenhar algumas funções melhor que os gestores.

Com a inteligência artificial ganhando espaço, as relações de confiança das pessoas no ambiente de trabalho irão mudar. Uma pesquisa com mais de 8 mil funcionários de 10 países, incluindo o Brasil, mostra que metade deles já trabalha diretamente com um algum tipo de IA e 65% disseram estar animados em ter robôs ou máquinas como “colegas”.

Os brasileiros estão entre o grupo dos mais otimistas. Entre os 450 entrevistados, sendo 300 líderes e gerentes de RH, 78% afirmaram que confiariam mais em um robô do que em seu próprio gestor – a média global ficou em 64%. “Minha impressão é de que muitos profissionais gostariam que alguns vieses [conscientes e inconscientes] existentes hoje na gestão do dia a dia fossem retirados para dar espaço a uma visão mais pragmática e baseada em fatos”, diz Maicon Rocha, diretor de vendas da de HCM Solutions da Oracle. A empresa realizou a pesquisa em parceria com a empresa americana Future Workplace.

A pesquisa também indica que 84% das empresas no Brasil procuram empregar pessoas com habilidades de IA e mais de um terço dos brasileiros (38%) acredita que os robôs substituirão os gestores no futuro. Na perspectiva global, 82% do total de entrevistados acreditam que os robôs podem executar melhor algumas funções desempenhadas pelos gestores, como monitorar horários de trabalho (34%), resolver problemas (29%), gerenciar um orçamento (26%) e tomar decisões imparciais (26%). Mas há algumas tarefas que os gerentes são vistos como insubstituíveis e que envolvem, predominantemente, relacionamento.

Para 45% dos entrevistados, os gestores são capazes de entender melhor seus sentimentos, treiná-los (33%) e criar uma cultura no trabalho (29%). “O estudo mostra que a IA está redefinindo a relação não apenas entre funcionário e gestor, como também o próprio papel do gestor em um ambiente de trabalho que funciona com essas tecnologias”, afirma Dan Schawbel, diretor de pesquisas do Future Workplace. A pesquisa também mostra que os funcionários desejam utilizar IA para simplificar sua experiência no trabalho e personalizar as suas tarefas. O grande desafio pa ra a maior adoção é, para cerca de 30% dos entrevistados, garantir segurança e privacidade.

Fonte: Valor Econômico, por Barbara Bigarelli, 23.10.2019

Os artigos reproduzidos neste clipping de notícias são, tanto no conteúdo quanto na forma, de inteira responsabilidade de seus autores. Não traduzem, por isso mesmo, a opinião legal de Granadeiro Guimarães Advogados.

Compartilhe
Comentários

Calendário

outubro 2019
S T Q Q S S D
« set   nov »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Acompanhe no facebook